16.12.13


O nosso público é o melhor




Estas duas imagens são uma cópia de uma carta que o Serviço Educativo recebeu com considerações da Escola “O Bando dos Gambozinos”, referentes à participação no espectáculo “O Homem que só pensava em números (Solo)”.
O nosso público é o melhor do mundo.
Obrigada!!!!
(Nota - para ler por favor clicar sobre as imagens). 
 

26.11.13

Casting - prazo dia 15 de dezembro


Para ler por favor clicar sobre a imagem. 

21.11.13

Hoje na revista VISÃO

Revista Visão - hoje - 21 de novembro de 2013. 
Para ler o texto por favor clicar sobre a imagem. Obrigada.

Sábado para as famílias

Para ler por favor clicar sobre a imagem. Obrigada. 

15.11.13

"O Homem que só pensava em números"













Fotografias de Sara Moutinho.

Promovido pelo Serviço Educativo do Teatro do Campo Alegre/Câmara Municipal do Porto, o espetáculo de dança/solo intitulado “O Homem que só pensava em números” é destinado a escolas e famílias, com crianças maiores de 6 anos.

Pedro Carvalho é o interprete e criador desta peça de dança contemporânea a ser levada a cena entre 21 e 23 de novembro (21 e 22 às 10H30 e às 15h00 e dia 23 às 16h00). 

“O Homem que só pensava em números” é uma performance de dança e matemática, construída como um estudo artístico-científico, centrada na história de um homem que dedica toda a sua existência aos números e as suas conexões. Aí, nesse mundo de fantasia, este homem descobre sentidos para cada pensamento e movimentos para cada descoberta. Com criação e interpretação de Pedro Carvalho, música de Paulo Mesquita e vídeo de João Rei Lima, esta peça de dança é uma coprodução da Companhia Instável e da Companhia ao Vento/Ventos e Tempestades – Associação Cultural. De referir ainda que este espetáculo, em versão trio, estreou em 2011, também no âmbito do Serviço Educativo do Teatro do Campo Alegre.

Pedro Carvalho é licenciado em Ensino de Matemática pela Universidade de Évora e Pós-Graduado em Jogos e Complementos de Matemática, pela Universidade Lusíada. É professor de Matemática do 3º Ciclo do Ensino Básico. Colaborou com a Fundação Narciso Ferreira, (Riba D´Ave), o Núcleo de Experimentação Coreográfica (NEC), Porto2001, Teatro Aveirense, Centro Cultural Vila Flor (Guimarães), entre outros, no desenvolvimento de projetos e formações de Matemática Criativa. Foi ainda selecionado para o Prémio Fundação Ilídio Pinho "Ciência na Escola".

7.11.13

Dança e Matemática


Dança e Matemática

O Serviço Educativo do Teatro do Campo Alegre/Câmara Municipal do Porto volta a apostar nos “caminhos” criativos da Matemática, desta feita com uma ação de formação destinada a professores do ensino básico e secundário, estudantes do ensino superior e outros interessados e um espetáculo de dança/solo intitulado “O Homem que só pensava em números”, destinado a escolas e famílias, com crianças maiores de 6 anos.

A ação de formação “Matemática Criativa” aconteceu a 26 e 27 de outubro e pretendeu desenvolver competências artístico-matemáticas que permitam um trabalho com os grupos escolares, no desenvolvimento de atividades criativas na sala de aula, e ainda uma melhor contextualização do espetáculo/solo “O Homem que só pensava em números”.

Esta ação de formação foi orientada pelo professor de matemática, bailarino e coreógrafo Pedro Carvalho, também interprete e criador da peça de dança contemporânea “O Homem que só pensava em números”, a ser levada a cena entre 21 e 23 de novembro (21 e 22 às 10H30 e às 15h00 e dia 23 às 16h00).

“O Homem que só pensava em números” é uma performance de dança e matemática, construída como um estudo artístico-científico, centrada na história de um homem que dedica toda a sua existência aos números e as suas conexões. Aí, nesse mundo de fantasia, este homem descobre sentidos para cada pensamento e movimentos para cada descoberta. Com criação e interpretação de Pedro Carvalho, música de Paulo Mesquita e vídeo de João Rei Lima, esta peça de dança é uma coprodução da Companhia Instável e da Companhia ao Vento/Ventos e Tempestades – Associação Cultural. De referir ainda que este espetáculo, em versão trio, estreou em 2011, também no âmbito do Serviço Educativo do Teatro do Campo Alegre.

Matemática Criativa e O Homem que só Pensava em Números (Solo) constituem uma dupla de sugestões do Serviço Educativo do Teatro do Campo Alegre sujeitas ao mesmo tema… Matemática, naturalmente! Embora dirigidas a públicos diferentes, podem ser consideradas complementares, no sentido de que a primeira disponibiliza os instrumentos teóricos e práticos e a segunda mostra o que é possível fazer com os conhecimentos adquiridos previamente na ação de formação.


Pedro Carvalho é licenciado em Ensino de Matemática pela Universidade de Évora e Pós-Graduado em Jogos e Complementos de Matemática, pela Universidade Lusíada. É professor de Matemática do 3º Ciclo do Ensino Básico. Colaborou com a Fundação Narciso Ferreira, (Riba D´Ave), o Núcleo de Experimentação Coreográfica (NEC), Porto2001, Teatro Aveirense, Centro Cultural Vila Flor (Guimarães), entre outros, no desenvolvimento de projetos e formações de Matemática Criativa. Foi ainda selecionado para o Prémio Fundação Ilídio Pinho "Ciência na Escola".


23.10.13

Matemática e Dança



Dança e Matemática
Solo de dança e ação de formação

Ensaio aberto à Imprensa – dia 14 de novembro – 15h00


O Serviço Educativo do Teatro do Campo Alegre/Câmara Municipal do Porto volta a apostar nos “caminhos” criativos da Matemática, desta feita com uma ação de formação destinada a professores do ensino básico e secundário, estudantes do ensino superior e outros interessados e um espetáculo de dança/solo intitulado “O Homem que só pensava em números”, destinado a escolas e famílias, com crianças maiores de 6 anos.

A ação de formação “Matemática Criativa” funcionará dias 26 e 27 de outubro, das 15h00 às 18h00, através de inscrição prévia, com o custo de 15 euros. Pretende-se, com esta ação de formação, o desenvolvimento de competências artístico-matemáticas que permitam um trabalho com os grupos escolares, no desenvolvimento de atividades criativas na sala de aula, e uma melhor contextualização do espetáculo/solo “O Homem que só pensava em números”. No final da formação será entregue um certificado de participação.

Esta ação de formação será orientada pelo professor de matemática, bailarino e coreógrafo Pedro Carvalho, também interprete e criador da peça de dança contemporânea “O Homem que só pensava em números”, a ser levada a cena entre 21 e 23 de novembro (21 e 22 às 10H30 e às 15h00 e dia 23 às 16h00).

“O Homem que só pensava em números” é uma performance de dança e matemática, construída como um estudo artístico-científico, centrada na história de um homem que dedica toda a sua existência aos números e as suas conexões. Aí, nesse mundo de fantasia, este homem descobre sentidos para cada pensamento e movimentos para cada descoberta. Com criação e interpretação de Pedro Carvalho, música de Paulo Mesquita e vídeo de João Rei Lima, esta peça de dança é uma coprodução da Companhia Instável e da Companhia ao Vento/Ventos e Tempestades – Associação Cultural. De referir ainda que este espetáculo, em versão trio, estreou em 2011, também no âmbito do Serviço Educativo do Teatro do Campo Alegre.

Matemática Criativa e O Homem que só Pensava em Números (Solo) constituem uma dupla de sugestões do Serviço Educativo do Teatro do Campo Alegre sujeitas ao mesmo tema… Matemática, naturalmente! Embora dirigidas a públicos diferentes, podem ser consideradas complementares, no sentido de que a primeira disponibiliza os instrumentos teóricos e práticos e a segunda mostra o que é possível fazer com os conhecimentos adquiridos previamente na ação de formação.

 Pedro Carvalho é licenciado em Ensino de Matemática pela Universidade de Évora e Pós-Graduado em Jogos e Complementos de Matemática, pela Universidade Lusíada. É professor de Matemática do 3º Ciclo do Ensino Básico. Colaborou com a Fundação Narciso Ferreira, (Riba D´Ave), o Núcleo de Experimentação Coreográfica (NEC), Porto2001, Teatro Aveirense, Centro Cultural Vila Flor (Guimarães), entre outros, no desenvolvimento de projetos e formações de Matemática Criativa. Foi ainda selecionado para o Prémio Fundação Ilídio Pinho "Ciência na Escola".





Para ler por favor clicar sobre a imagem. 

17.10.13

Notícias de hoje



Duas notícias publicadas hoje, 17 de outubro de 2013.
Em cima jornal Público, em baixo revista Visão.
Para ler por favor clicar sobre as imagens.

15.10.13

O Primeiro de Janeiro

15 de outubro de 2013
Para ler, por favor clicar sobre a imagem. Obrigada. 

14.10.13

“Uma Aventura no Espaço” na Gazeta dos Artistas

Teatro e marionetas “Uma Aventura no Espaço” em cena no Teatro do Campo Alegre, 19 e 20 outubro | Gazeta dos Artistas

Para ler o artigo por favor clicar no link acima. Obrigada.

Notícias







De cima para baixo.
Expresso - 12 de outubro de 2013
Grande Porto - 11 de outubro de 2013 ( 3 imagens)
Jornal de Notícias - 12 de outubro de 2013
Correio da Manhã - 11 de outubro de 2013
Para ler por favor clicar sobre as imagens. Obrigada

11.10.13

ESTREIA

Fotografia: Susana Neves

“UMA AVENTURA NO ESPAÇO”
Teatro e marionetas para famílias

ESTREIA
Ensaio aberto à Imprensa – 16 de outubro – 15h00 - Teatro do Campo Alegre

O Serviço Educativo do Teatro do Campo Alegre/Câmara Municipal do Porto apresenta, em estreia absoluta, um espetáculo de teatro/performance com marionetas, integrado na programação do Festival Internacional de Marionetas do Porto. O espetáculo, destinado a famílias e escolas (maiores de 6 anos), intitula-se “UMA AVENTURA NO ESPAÇO” e estará em cena de 17 a 20 de outubro de 2013, no Café-Teatro do Teatro do Campo Alegre.

“UMA AVENTURA NO ESPAÇO” trata-se de uma viagem especial que pretende fazer pensar sobre as diferentes aceções e representações do espaço: o espaço da cidade, o espaço da natureza, o espaço da intimidade e das emoções e claramente o espaço desconhecido – o cosmos. Ao longo do espetáculo, a pintura, a dança, a arquitetura, o cinema e muitas outras artes e saberes vão contando segredos sobre o modo como o espaço tem sido vivido e/ou imaginado.

O próprio dispositivo cénico apresenta já em si dois espaços, o de cena e o de público, e brinca com o conceito dos dois – por vezes a plateia está no palco e e palco na plateia!

Carla Cosmonauta, a marioneta personagem principal da história, é uma viajante, uma exploradora da multidimensionalidade dos espaços. Viaja entre o espaço cósmico e o espaço da intimidade, entre o espaço de cena e o espaço (do) público, entre o espaço de trabalho e o espaço de diversão. Dois atores e uma pianista guiam o público, passo a passo, nesta aventura.

Escolas, 1.º e 2.º ciclos do ensino básico:
17 e 18 de outubro, 10h30 e 15h00 - sessões por marcação prévia
Público em geral, maiores de 6:
19 e 20 de outubro, 16h00

Autoria e interpretação: Carla Veloso / Programação do SE: Rute Pimenta
Apoio em criação e cenografia: Igor Gandra
Coprodução: Teatro de Ferro e Serviço Educativo do Centro Cultural Vila Flor
Espetáculo inserido na programação do FIMP 2013 e acolhido no âmbito da programação do Serviço Educativo do Teatro do Campo Alegre/Câmara Municipal do Porto. 

As Marionetas no programa AGORA da RTP:

Veja, a partir do minuto 7:20, uma reportagem sobre a edição deste ano do Festival Internacional de Marionetas do Porto e fique a perceber melhor o nosso próximo espetáculo "Uma Aventura no Espaço":

Para isso clique aqui. 

A próxima aventura IMPERDÍVEL

Para ler por favor clicar sobre a imagem.

10.10.13

Fotografias de As Viagens de Gulliver














Fotografias de Sara Moutinho.
"As Viagens de Gulliver"
Inserido na programação do Festival Internacional de Marionetas do Porto 2013 (FIMP), numa coprodução Limite Zero, FIMP, Teatro Municipal de Bragança e Serviço Educativo do Teatro do Campo Alegre/Câmara Municipal do Porto.

Imprensa hoje







Notícias publicadas hoje, de cima para baixo: 
Destak, Jornal de Notícias, Sábado e Visão.
Para ler por favor clicar sobre as imagens.